Acisa passa a oferecer serviços de Mediação, Conciliação e Arbitragem, Convênio entre a entidade, TechLaw Institute e o CEBRARD foi firmado nesta terça-feira (24)

Acisa passa a oferecer serviços de mediação, conciliação e arbitragem

Convênio entre a entidade, a TechLaw e o Cebrard foi firmado nesta terça-feira (24)

Por meio do convênio serão oferecidos aos associados da entidade serviços como mediação, conciliação e arbitragem, um meio alternativo para solução de conflitos nas empresas. “O trabalho OFERECIDO, é com intuito de desafogar o sistema Judiciario, ou seja, o CEBRARD, é uma empresa que atua de forma a “Auxiliar a Justiça” na Resolução dos Conflitos, tanto na sociedade em geral, ou neste caso em especifico do convenio, ACISA & CEBRARD, atuaram diretamente nas empresas, com objetivo de Reduzir o Passivo Empresarial, seja promovendo acordos trabalhistas, ou tudo que poderia em tese, se TRANSFORMAR EM UMA “ACAO Judicial, poderá ser tratado neste convenio, inclusive com desconto para os associados de até 15%, na tramitação destes processos de mediação.

Dispomos de uma equipe composta por quinze profissionais, como advogados, mediadores inclusive, psicólogos e professores, todos com formação avançada e certificada nos critérios sugeridos pelo Tribunal de Justiça”, explica Ivan Monteiro, diretor da TechLaw, ao salientar que, “se os conflitos puderem, ou serem estimulados pelos próprios advogados, a passarem inicialmente pela câmara, usando os meios alternativos (mediação, conciliação. Arbitragem), não haverá gastos extra, nem acumulo no judiciário, estes advogados poderão já que ambos, CEBRARD e Advocacia, atuam como auxiliares da justiça, o que já ocorre na maior parte dos estados.
“Além de diminuir o custo, haverá celeridade, o que normalmente levaria anos na justiça do trabalho, justiça comum, na câmara o máximo que se cogita é de seis meses para ser resolvidos” e a garantia do sigilo da empresa, ao passo que diferente da justiça comum, onde os atos processuais são públicos, no CEBRARD, os atos ocorrem de forma extrajudicial, portanto, não tem a exposição da empresa, e é uma forma para o empresário diminuir seu Passivo contábil com a utilização das ferramentas adequadas.

.

Compartilhar:
0
  Relacionados
  • No related posts found.

Você deve estar conectado para postar um comentário.